Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

WHITE AND PINK

Os Verdadeiros Cereais

Olá,

Depois do primeiro post, vários amigos meus vieram falar comigo e perguntar o que é que eu tinha contra os cereais e as barras de cereais. 

A verdade é que eu não tenho nada contra, até porque eu adoro cereais. Mas até que ponto podemos chamar de cereais ao que se vende nos supermercados?

Se olharmos para os seus ingredientes, dos 20 mil que encontramos apenas 2 ou 3 são cereais, obviamente estou a exagerar mas não foge muito disso.

Como qualquer pessoa sempre adorei Estrelitas, Cookie Crisp, Nesquik, Golden Grahams, etc. (quem não gosta não é), mas raramente comia, optava sempre por os cereais ditos “Light”. Mas serão, de facto, mesmo light? Mais uma vez peço para olharem para os seus ingredientes e para o valor nutricional, qual é mesmo a % de açúcar que eles têm? Pois…Se calhar não são tão light como pareciam. Mais uma prova de que as calorias pouco importam se o valor nutricional for 0.

Devido a tudo isto, no início do ano passado optei por deixa-los de parte e comecei a fazer os meus próprios mixes.

E há melhor coisa que isso?

As granolas caseiras são tão boas, com elas podemos fazer “cereais” ou optar por um snack mais rápido como as barras. Primeiro que tudo escolhemos a nossa base, como por exemplo aveia, centeio, quinoa, trigo sarraceno ou o millet. Em segundo lugar conjugamos com os nossos ingredientes preferidos, é aqui que cada um dá o seu cunho pessoal, podemos utilizar desde sementes, mirtilos, côco, cacau, a frutos secos ou até abóbora. No final juntamos uma colher de mel e voilà, temos um snack super saboroso e acima de tudo saudável.

Espero que tenham gostado e que pensem duas vezes antes de entrar nessa secção do supermercado. 

 

Beijinhos

Carolina :)

1 comentário

Comentar post